Inicio » Blog » Principais diferenças entre DFMEA e PFMEA

O setor da indústria automotiva é dinâmico e está em constante evolução, e é por isso que tanto os produtores como os clientes e a sociedade em geral demandam novas normas que regulem um setor que afeta a todos.

A norma NBR ISO/TS 16949 nasceu precisamente com esse objetivo, controlar a produção de peças e produtos da indústria automotiva, assegurando a segurança e a qualidade.

Para atingir os seus objetivos, a norma NBR ISO/TS, utiliza uma série de ferramentas como o DFMEA e o PFMEA, mas antes de prosseguir, devemos conhecer o significado dum termo mais geral, o FMEA.

O Failure Mode & Effect Analysis, popularmente conhecido pelas siglas FMEA e uma metodologia analítica para assegurar que os problemas potenciais foram considerados, estudados, previstos e foram aplicadas ações e medidas para evitar a sua ocorrência. E fundamental abarcar a totalidade do processo de desenvolvimento e produção das peças e elementos.

Um bom FMEA terá em conta todas as possíveis falhas que podam acontecer em todo o processo produtivo e calculará o risco das

PFMEA e DFMEA em ISO/TS

PFMEA e DFMEA em ISO/TS

falhas, e esse risco tem em conta tanto o dano ocasionado assim como a probabilidade de que a falha, efetivamente, aconteça. O FMEA foi concebido com o objeto de ser um mecanismo de prevenção e nunca um mecanismo de atuação após a falha.

Passemos agora ao FMEA do processo, também conhecido como PFMEA. O PFMEA é um mecanismo que controla o processo de fabricação, conseguindo uma redução do risco de ocorrência das falhas. Tem como objeto identificar e avaliar aspetos como os requisitos do processo, calcular os riscos das falhas no processo e no produto e sob os clientes, calcular as causas potenciais dos hipotéticos falhos. Além disso, é preciso incidir sobre os pontos do processo considerados como críticos, e esses pontos deverão receber uma maior atenção e focalizar ali os controlos e ações para reduzir as probabilidades de falhos.

Um bom PFMEA terá em conta todas as operações de produção e absolutamente todos os processos, desde a recepção das matérias primas até o envio dos produtos.

Diferenças PFMEA-DFMEA

Diferenças PFMEA-DFMEA

O FMEA do desenho/projeto, comumente conhecido como DFMEA, será elaborado exclusivamente naquelas empresas que levam a cabo operações de desenho. As funções do DFMEA são claras, ajudará a avaliar o projeto, colaborando a detectar a totalidade dos elementos usados no PFMEA. Também avaliará os requisitos funcionais e as alternativas do projeto e terá em conta aspetos como a reciclagem.

O DFMEA é desenvolvido na fase de desenho e/ou projeto, e é por isso que será possível desenvolver um planejamento mais eficiente do processo e proporcionará uma completa listagem de todos os possíveis falhos e os seus possíveis efeitos. Um dos requisitos é que o DFMEA deve ficar completado antes do início da etapa de produção e deverá ser atualizado quando existir qualquer mudança em qualquer fase do desenvolvimento do produto.

ISOTools é a empresa líder na gestão dos sistemas de gestão da qualidade segundo a norma ISO/TS, e tem as ferramentas necessárias para criar e gerenciar o DFMEA e o PFMEA de manheira simples e amigável.

Tags:


isotoolsmasde15
 
Solicita más información

Eu li e aceito os a
termos

[recaptcha]

AVISO LEGAL